Como diminuir o valor das parcelas de um financiamento imobiliário?

Como diminuir o valor das parcelas de um financiamento imobiliário?

Publicado em 26/03/2019

Quando as pessoas estão na iminência de comprar uma casa ou um apartamento, é bastante comum que surjam dúvidas sobre o aspecto financeiro e também sobre a possibilidade de pagar um pouco menos no final das contas. Sendo assim, aprender como diminuir o valor das parcelas de um financiamento imobiliário pode ser fundamental.

No entanto, é possível seguir algumas dicas bastante práticas e, até mesmo, relativamente simples, que podem fazer toda a diferença no preço das prestações e na maneira como elas impactarão o orçamento mensal. Confira o conteúdo a seguir e descubra como você pode fazer isso!

Pesquise e faça simulações

O primeiro passo para diminuir o valor das parcelas de um financiamento imobiliário é não ter preguiça e nem vergonha de pesquisar bastante, afinal, cada banco ou instituição financeira oferecerá condições diferentes e taxas de juros distintas, de acordo com o seu perfil e com o quanto eles estão interessados em conceder crédito.

Diante dessa realidade, não hesite em conversar bastante com o funcionário disponibilizado para fazer esse trâmite e aproveite para fazer diversas simulações, observando quais são as formas de amortização oferecidas e quanto acaba ficando a prestação em curto, médio e longo prazo.

Aumente o valor da entrada

Outra maneira bastante lógica de diminuir o valor das parcelas de um financiamento imobiliário é dando uma entrada maior. Embora isso possa comprometer um pouco os seus recursos no momento, essa é uma escolha inteligente em longo prazo, uma vez que os seus custos ficarão reduzidos durante anos.

Pode ser o caso de vender um veículo ou até pedir emprestado para um parente ou amigo de confiança, visto que é melhor dever para uma pessoa física, que não cobrará juros e nem correção monetária.

Utilize o saldo do seu FGTS

O famoso Fundo de Garantia por Tempo de Serviço é recolhido compulsoriamente com algumas justificativas, entre as quais a de fomentar o mercado imobiliário. Sendo assim, você não deve hesitar em sacar o seu FGTS para diminuir o valor das prestações do seu financiamento sempre que essa opção existir.

É possível utilizar o FGTS, a cada 2 anos, para abater em até 80% o valor das parcelas em até 12 meses consecutivos, desde que não existam mais de 3 prestações em atraso. Essa é uma excelente estratégia para quem está com expectativas de ter uma renda menor com o passar do tempo ou de ter maiores despesas, por exemplo.

Amplie o prazo de pagamento

A última opção para diminuir o valor das parcelas de um financiamento imobiliário – e possivelmente a menos vantajosa – consiste em ampliar o prazo de pagamento. Dessa maneira, você terá mais meses para pagar as prestações, que, consequentemente, ficarão menores, embora o valor final se torne maior.

Obviamente, isso dependerá de negociações com o banco ou instituição financeira que concedeu o crédito e dos limites que são impostos para cada modalidade. Outro ponto é que você tem que terminar o último pagamento antes de ultrapassar os 80 anos, em função da regra do seguro habitacional.

Seguindo essas dicas, você consegue diminuir o valor das parcelas de um financiamento imobiliário e fazer, dessa maneira, com que as prestações impactem um pouco menos o seu orçamento mensal.

Gostou de aprender como diminuir o valor das parcelas de um financiamento imobiliário? Então que tal conferir também nosso artigo com informações sobre a documentação do imóvel? Descubra quais são os custos desses documentos e quem deve se responsabilizar por eles.

Participe da discussão